Como substituir uma comutação de escada com inversor por sonoff T1


(Paulo Morgado) #1

pessoal preciso de uma ideia brilhante para substituir os interruptores normais para os Sonoff T1, estamos a falar de uma comutação de escada com inversor, mas basta-me ter dois Interruptores, e nao pretendo mais nada a nar ser os sonoff para a casa ficar toda igual, e o problema é que pretendo que em caso de falha do HA continuar com eles em funcionamento como estão todos os outros, é um corredor com tecto falso e neste momento ja tenho uma sonnof a ligar em forma automática pelos pir, ainda tentei usando os 433 mas eles só recebem. Podia tentar acoplar um transmissor RF e emparelhar com os outros dois

https://www.facebook.com/paulo.a.morgado/videos/2386919934669181/


(Rodolfo) #2

@Luis_Andrade e @Maddoctor são os peritos em Tasmota. Já te irão dar uma resposta para resolver o teu problema.


(Luís Miguel Andrade) #3

Antes de mais será necessário entender duas situações:

  • O esquema que tens é exatamente (em termos de cabos e ligações) ao que tens fisicamente no local.
  • Pretendes ter os Sonoff T1 em todos os 3 ou 2 interruptores.

(Nuno Neves) #4

Pretendes usar 2 T1, certo?

A forma mais fácil é ligares um à lâmpada e o outro (ou outros) ficar apenas a mandar comandos atravez de rules, com uma rule do tipo:
rule1 on button1#STATE do publish cmnd/topicodooutro/power toggle endon

não esquecer também o comando rule1 on


(Paulo Morgado) #5

tenho 3, não sei se o esquema é esse, mas verdade se diga os tubos estão passados e o que la esta é para sair, pelo menos o que la esta funciona nesse esquema, basta-me dois.


(Paulo Morgado) #6

a ideia é tudo funcionar caso não ter HA


(Paulo Morgado) #7

vamos a ver implementar esse esquema so com um ligado e os restantes via HA é pacifico, mas a ideia é ir mais alem como tudo o que tenho ligado, tudo funciona sem HA, e com o HA, sao muitos anos a virar frangos :grinning:


(Nuno Neves) #8

o meu método não depende do HA
Apenas de wifi e broker mqtt…
A alternativa é usar KNX no tasmota e aí só dependes do wifi… Mas isso é mais complexo…


(Paulo Morgado) #9

não quero ficar dependente de absolutamente nada no que toca a tasmota, wifi, mqtt etc, o circuito tem que funcionar autónomo só com power


(Nuno Neves) #10

então com T1 e mantendo todas as vantagens de um interruptor inteligente, é impossível…


(Luís Miguel Andrade) #11

A solução do KNX por IP, apresentada pelo @Maddoctor, é muito boa. Infelizmente, fica ainda dependente do wifi e eliminas só uma camada no modelo de OSI e resolve o problema em caso de falha do HA.

Contudo, podes ter “cinto e suspensórios”. Para tal, tens várias soluções dependendo de alguns testes. Por exemplo:

  • Estender o gpio do T1 principal até aos outros interruptores. Está dependente da distância e isolamento contra interferências (ghost switch).

Pessoalmente, também gosto/tenho redundância em caso de falha do HA/wifi/… só deixo de ter luz se não pagar a conta ou algum interruptor/ tomada avariar :wink:


(Nuno Neves) #12

Concordo com o luís. Os meus também funcionam no caso de falha de wifi, HA, mqtt… A solução é usar shelly ou bh onofre, ou, para quem tem espaço, sonoffs, controlados pelos interruptores originais…


(Luís Miguel Andrade) #13

Podes também utilizar um telerruptor. Apesar do esquema que pretendes utilizar não é exatamente este, podes ficar já com uma ideia


(Paulo Morgado) #14

mas isso consegui ligar e desligar os T1 sem wifi ?


(Luís Miguel Andrade) #15

Sim. Onde estão identificados os pulsadores vai ser o T1 a enviar pelo relé um pulso de 220v que aciona o telerruptor.


(Paulo Morgado) #16

então a solução dos 433 não agrada a ninguém ? ficando um como master a ligar e desligar a iluminação e os restantes por simpatia ?, tb não sei se é possível pois os restantes tinham que ficar com emissor e emparelhados no mesmo canal. Ou seja no caso de se ligar um T1 este manda o sinal e todos recebem , e esse mesmo que liga tb vai receber o mesmo sinal, não sei se vai ligar e desligar.


(Nuno Neves) #17

Em todas essas opções perdes o feedback do estado no HA… Para isso deixa a casa estar sem domótica! :stuck_out_tongue:


(Luís Miguel Andrade) #18

Pode ser também solução. Pessoalmente, não sou muito fã de 433 sem rolling code ou algum nível de encriptação. As potenciais interferências são algo que podem causar comportamentos inesperados.


(Luís Miguel Andrade) #19

O estado da lâmpada pode ser atualizado, na ausência temporária do wifi/mqtt/ha, se estiver implementado qos de nível 2 para o mqtt no firmware. Contudo, não creio que o tasmota suporte este nível. Sabes se é possível @Maddoctor ?


(Nuno Neves) #20

Se não me engano, apenas tem qos 1…