Escolha Interruptores


(Diogo Rocha) #1

Olá,

Sou novo aqui na comunidade, já li grande parte dos tópicos que por aqui existem e que são de grade ajuda, por isso desde já agradeço a vossa recepção e espero no futuro ajudar mais que o que vou ser ajudado, pois é sinal que pessoalmente evoluí, espero fazer parte da solução para um Portugal mais automatizado de forma segura.

Agora que estou prestes a fazer uma reforma da minha instalação eléctrica questiono se para uma solução com sonoff ou shelly´s devo optar por interruptores basculante efapel ou dos ditos “normais”. O que me dará mais liberdade no futuro? ( esta questão já existe algures mas não consigo perceber a conclusão chegaram)

Outra questão, que tensão utilizar até ao interruptor?

Obs:
Interruptores do tipo touch (livolo, etc) estão fora de questão já que depois para conseguir centros de tomada idênticos é um “filme” :slight_smile: .

Obrigado.


(Jorge Assunção) #2

Se usares Sonoffs ou Shellys a melhor opção será os interruptores de pressão (também conhecidos por interruptores de mola, clique, etc) que são os usados nas campainhas.

Este tipo de interruptores tem como característica ficar sempre na mesma posição, já os interruptores tradicionais tipo liga/desliga {quando usados com um equipamento IoT) se os ligares no interruptor e este ficar para baixo e desligares com uma automação ou comando do HA o interruptor fica para baixo.

Visualmente é estranho pois por vezes tens sítios como a sala com vários interruptores lado a lado e as luzes estão todas apagadas mas ficas com uns interruptores para cima outros para baixo. Além disso, e há vários utilizadores que o confirmam, utilizar interruptores tradicionais têm um WAF (Wife Acceptance Factor) baixíssimo e que pode levar a umas discussões e noites passadas no sofá :grin:

Sobre a outra questão da tensão para o interruptor varia em função do equipamento e tecnologias utilizadas. Normalmente os equipamentos de IoT utilizam a tensão da electrónica interna (3V3 ou 5V).


(Diogo Rocha) #3

Obrigado pelo esclarecimento @j_assuncao, Elas é que mandam em casa :slight_smile:

Em relação aos shellys, sei que o seu propósito é ser colocado dentro da caixa do interruptor, no entanto existe alguma forma de usar a mudança de estado sem usar o gpio e colocando o shelly junto da lâmpada usando apenas 2 fios até ao interruptor?

Espero ter me feito entender.

Obrigado.


(Jorge Assunção) #4

Sim, podes usar desse modo mas isso obriga a passar dois fios extra entre o ponto de luz e o interruptor.


(Nuno Neves) #5

Para esse fim (ficar junto à lâmpada, com fios ao interruptor) , provavelmente ficas melhor servido com um sonoff… Se souberes soldar, usas um basic, senão, um mini…


(Tiago Marques) #6

Existem uns efapel de toque de 4 canais DC. São bons para ligar a um wemos/Onofre (não funcionam com shelly)

Não é o design que mais me agrada, mas são uma opção muito válida para certas situações


Gamado de um post do Horta


(Jorge) #7

Também já vi esses botões numa instalação knx, ligados a entradas binárias.


(Diogo Rocha) #8

Se passar directamente da caixa de distribuição para o ponto de luz fase e neutro, ainda assim tenho de passar os 2 fios extra até ao interruptor?

Como o @Maddoctor diz com o sonoff apenas teria de usar dois condutores isto usando o GPIO.

A minha maior duvida é se existe alguma forma de usar a mudança de estado do shelly mas sem que tenha de chegar 220v ao interruptor.


(Jorge Assunção) #9

Se não chegar 230V ao interruptor nada funciona…

E se não passares os dois fios para o interruptor como esperas carregar no botão e acender ou apagar a luz?


(Nuno Neves) #10

Pois… Shelly só mesmo com 220v. O sonoff terias de fazer como dizes…


(Diogo Rocha) #11

No sonoff se ligar ao GPIO tenho os 3V e chegam 2 fios para que o interruptor funcione com a mudança estado.
Os shellys podiam ter alguma funcionalidade que fizesse o mesmo usando a ligação normal era essa a minha duvida, mas já percebi que não.