KNX - Hardware de testes para HA

A título de testes para integrar o KNX no HA criei este ambiente que possibilita a conectividade entre algumas das tecnologias mais utilizadas no HA.

O objectivo deste projeto é integrar e fazer testes com as mais diversas tecnologias no HA para futura implementação em ambiente de produção.

Caso pretendam que execute algum teste ou tenham alguma dúvida, curiosidade ou sugestão terei todo o gosto em responder.

3 Likes

Muito bom e interessante algumas questões:
Podes falar de custos apenas do equipamento base para esse sistema para uma moradia familiar sem mão de obra?

Local de compra dos equipamentos? Europa?

Depende sempre da marca, do tipo de equipamento e do local de aquisição. Uma pesquisa no Google resulta em inúmeras lojas para aquisição (maioritariamente internacionais). Contudo, podes considerar ~ 30€ para uma solução total por interruptor (para iluminação e estores).

Se tivermos em conta que o investimento terá lugar a retorno ou até valorização do imóvel, considero que será sempre mais vantajoso optar por uma solução destas para novas instalações, visto que garantem as normas legais comunitárias atualmente exigidas em alguns países para certificações elétricas novas e outras normas vigentes em Portugal.

Em comparação com equipamentos mais económicos wireless (ex: wifi), o valor investido não será considerado na avaliação, como a robustez, fiabilidade e segurança, o que pode ser factor de decisão para muitos pela diferença de preço.

Na necessidade ou vontade de ter mais funcionalidades (dim, cores, interruptores adicionais,…) o ideal é não optar por cabo visto o custo ser muito mais elevado.

Em termos de equilíbrio, entendo que o ideal será utilizar uma solução mista, ou seja, para iluminação principal, estores, entre outros, recorrer ao cabo e para iluminação, funções acessórios e não críticas ( candeeiros de mesa, luzes indiretas,…) por rádio (Wifi, zigbee,…).

Foi com a intenção de garantir um equilíbrio dentro de tantas variáveis (preço, função, fiabilidade, robustez, certificação, qualidade, segurança,…) que optei por criar um zona de testes mista com os equipamentos e tecnologias de comunicação apresentados, tendo por base o KNX e o HA

2 Likes

Muito bom. Parabens pela iniciativa.
Tambem acho que a solucao mista é aquela que fara mais sentido mesmo para uma casa remodelada ou feita de raiz.
Em termos de HW… tirando os interruptores, cabos e afins o que tens de a usar mais para luzes principais e estores? light controller, power supply e Ip router?

Para tomadas de parede ou mesmo luzes pretendes controlar custos individuais? Para saber por exemplo o consumo da sala, Cozinha, quarto etc…? Isso seria feito pelos ligth controllers?

Obrigado

1 Like

@dpjrodrigues

Obrigado. A ideia de apresentar este projeto já era antiga mas, só agora foi possível ter parte dos equipamentos necessários. Contudo, achei mais interessante nesta fase colocar como tópico e não numa wiki por não ter solução totalmente fechada e aplicada.

Após muito estudo e testes com diversos tecnologias achei que esta seria a decisão mais equilibrada na minha visão. O objetivo final, dentro de alguns meses, será colocar estes e mais uns tantos equipamentos em produção numa moradia unifamiliar que está já em construção (está na fase de passar cablagem).

Respondendo objetivamente :
O que necessitas para ter um simples interruptor a acender uma luz é: fonte de 24v, fonte de alimentação de 24 knx (serve para alimentar e sinal de bus), módulo relés iluminação, módulo inputs binários e gateway ip ou, pode até ser um módulo simples só para ligar o bus a um rasperry e ao HA. Depois será só multiplicar equipamentos com atenção a amperagens, voltagem e extensões do cabo de bus, que irá passar por equipamentos e quadros divididos por piso ou área específica.

Para luzes principais vou utilizar o controlo de alimentação (on/off) pelo sistema KNX. As luzes propriamente ditas vão ser zibee (Philips e Ikea) e para fitas led irei utilizar os transformadores do ikea zigbee de 24v, H801 e magichome para ambiente que necessite dim e cor.
Na parte de iluminação também vou utilizar alguns “truques”. Por exemplo: criar light group com o interruptor knx e a lâmpada zigbee. Desta forma, ao ligar um interruptor a lâmpada irá ligar sempre, independentemente, da parte de zigbee ou do HA. Mas, a nível do HA fica identificada como uma só, podendo ser controlado o dim e cor. Consigo utilizar também funções adicionais no interruptor (long press,…) e injetar um telegramas fake que servem para ser interpretados pelo HA e fazer a atuação de dim, cenários, entre outras coisas.

A nível de tomadas são controladas por grupo (ex: todas da sala) no KNX. Contudo, a nível individual irei colocar tomadas ou extensões wifi ou zigbee para controlar energia ou algum outro dispositivo individualmente (ex: árvore Natal,…).

Dentro do bus knx irei também injetar telegramas que vão ter origem no HA mas, podem vir por exemplo do comando da harmony para desligar luzes e fazer dim. Cenário que atualmente já utilizo também com interruptor wifi e lâmpada zigbee.

A nível de controlo de custos irá ser a nível central ou, em situações pontuais ao equipamento por tomada ou setor no quadro, caso seja necessário.

Foi também considerado neste projeto o controlo do aquecimento por eletrovávulas e central de alarmes a ligar ao bus.

2 Likes

Após diversos testes já consigo ter controlo de:

  • Iluminação. Desligar/ ligar e dim, entre outros. Com recolha e atribuição de estados.
  • Estores. Subir/Descer, parar, posição. Com recolha e atribuição de estados.

unknown-3

unknown-2

3 Likes

Era bom colocares aqui a lista de hardware que estás a usar de momento

1 Like

Os equipamentos que estou a utilizar em testes são:

Para além dos descritos na tabela acima utilizo também:

  • Fonte de alimentação MW DR-30-24
  • Drossel/Choke arcus-eds DR-16 1600mA
  • Weinzierl 771 e/ou Weinzierl 730
2 Likes

Interruptores ja tens alguns ou estas so a controlar tudo directamente do HA?

Para interruptores de parede irei utilizar duas soluções:

  • Um touch panel Iddero verso que também possui saída para 4 interruptores tradicionais (pressão)
  • “Pastilhas” binárias de input a ligar a interruptores tradicionais (pressão).

Foto da “pastilha” de 6 -fold

boa… entretanto encontrei isto:


Não instalei nem testei mas parece interessante para planear melhor o que é preciso e depois listar os componentes necessários.

Tens também o ets inside que está mais vocacionado para end user, permitindo também a programação.

Apesar do potencial do ets lite ser muito superior, está mais “limitado” em número de equipamentos. Contudo, para uma instalação será eventualmente o suficiente.

Esse seria a minha escolha para power users.

1 Like

Muito bom este tópico @Luis_Andrade
Ajudou bastante a iniciar no mundo do knx e vou implementar o meu sistema de domótica com base nos teus exemplos, com algumas adaptações claro.
Mas quero colocar algumas dúvidas diretamente relacionadas com este tópico.
Vi com atenção a lista de hardware que utilizaste e parecem-me boas opções, mas gostava de saber se neste momento alteravas algum componente ou se mantinhas tal qual está?
A nível da programação (ETS) qual é a versão que utilizaste e porque.!
Obrigado

Obrigado. Da lista que apresentei só multipliquei
o número de módulos e acrescentei mais uns outros para vários quadros por pisos.

A gateway vou trocar e meter uma mais simples a 730. Para o HA, ETS e mais 3 ligações chega e sobra.

Podes utilizar o ETS5 Demo que suporta a programação até 5 equipamentos por projeto… caso tenhas mais, vais abrindo vários projetos :wink:

1 Like

Boa Noite,

apenas descobri hoje este espaço.
a minha casa tem um sistema KNX instalado. Mas a empresa que o montou já não existe.
assim, preciso de perceber um pouco mais de KNX.
como posso “abrir” o sistema para ser programado/alterado.
todas as dicas são bem vindas

Obrigado

Bem vindo ao fórum da CPHA @Hayden e não esqueças de ler os nossos Termos do Serviço/Regras e a FAQ.

Creio que não entendi bem a tua questão.

Contudo, caso o pretendido seja programar os equipamentos para funcionarem de formar diferente, a resposta está nos posts mais acima, utilizando os sw já referidos e equipamentos.

Se for para ligar o sistema KNX ao HA, não será necessário uma abordagem intrusiva e reprogramação. Basta escutar os telegramas que passam no bus e utilizar essa informação para criar as diversas entidades e conseguir interagir com o sistema existente… alargando as funcionalidades e operação como toda a parte de novas integrações e inteligência que o HA irá trazer ao teu sistema de domótica.

Existem casos, em que na programação não usavam endereços de grupo para estados. Nesses casos, serão necessárias alterações.

1 Like

Boas,
depois de ler atentamente este post e porque considero que certas coisas fazer sentido por cabo estou a tentar perceber melhor o Setup:
-Segundo percebo numa instalação nova o KNX tem circuitos com cabo próprio até aos inputs (interruptores, etc) e depois no quadro temos módulos que perante o estado dos inputs activam ou desativam os outputs (lâmpadas, estores, etc) fornecendo energia.
-E numa instalação já existente? Podemos adaptar KNX?
Existe cabo KNX+Power? É possível usar micro-módulos ou algo semelhante?

Seria possível mudar isto para KNX:
Quadro----->Interruptor (ligado a lâmpada sala de arrumos)—>comutador de lustre(ligado a duas lâmpadas da sala)

Obrigado

Numa instalação existente não é fácil adaptar para KNX. Não existe cabo KNX+Power, os cabos de energia devem andar separados do cabo KNX.
No KNX, podes ter “instalação centralizada” (módulos de saídas nos quadros) ou “distribuída” (módulos em caixas de aparelhagem/derivação). No entanto, a instalação distribuída vai ficar mais dispendiosa, já que, os módulos de caixa de aparelhagem apenas tem no máximo duas saídas, enquanto os módulos de quadro (calha DIN) podem ter de 2 a 24 saídas ou mais (dependendo do fabricante).

2 Likes

Obrigado pela explicação.
Vou manter-me no Zigbee para já.